sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

O Carnaval de 2013 já tem uma Rainha na Corte



O Carnaval como
você nunca viu

O concurso Rainha do Carnaval acontece no próximo sábado, mas muita gente não sabe que nós já temos uma rainha para o Carnaval 2013! Ela se chama Josiane França, representa os deficientes visuais do Rio Grande do Sul e foi eleita no concurso Miss DV RS, que aconteceu aqui, em Porto Alegre, em julho passado. Sim, nossa corte tem uma Rainha cega!

Você achou um termo muito forte? Pois não é! Os cegos, deficientes visuais ou DVs, são muito bem resolvidos nesta questão, e a nossa Rainha Josiane França até brinca com o fato.

Atenciosa, gentil, bem-humorada e articulada, não se acanha em ensinar seus súditos como se deve agir na presença de um cego e como se deve orientar ou auxiliar um deficiente visual em diversas situações cotidianas.

Os cegos somente não enxergam, mas andam, ouvem, conversam, estudam, namoram e querem trabalhar como uma pessoa vidente! Querem ser respeitados e querem poder andar pela rua sozinhos sem que um orelhão lhes apareça repentinamente pela frente, sem que um desnível na calçada os faça cair.

Em suas visitas às quadras de Porto Alegre, a Josi precisa fazer certas coisas que nós, videntes, não temos necessidade. Por exemplo: para 'ver' uma bateria, ela vai lá dentro e sente de perto cada naipe de instrumentos. Para ver uma bandeira, um estandarte ou uma fantasia, ela precisa tocá-las. Com certeza, reconhece uma pessoa somente pela voz, mas precisa tocar no seu rosto para ter uma ideia de como é a sua aparência!



O fato de ter ou não visão não confere a ela capacidade ou incapacidade, assim como todos nós também somos aptos para determinadas funções e inaptos para outras. A limitação está, sim, nas barreiras impostas, tanto por nós como pelo ambiente em que vivemos. E isso é plenamente contornável.

Às vezes, mesmo com todos os membros, a pessoa não é capaz de nadar, como eu! E há pessoas sem diversos membros que se tornam campeãs em natação, como Daniel Dias.

A deficiência está na cabeça e na capacidade de cada um. O Rei Momo Fabio Verçoza, sabiamente, reconheceu isso e trouxe Josi para a Corte, abraçando a causa dos DVs. Ele mesmo fala que não tem o poder de incluir ninguém, que não gosta de usar a palavra inclusão. Todos têm o mesmo direito a aproveitar o Carnaval e, acima, de tudo ser um cidadão completo.

Por isso, seja bem vida nossa Rainha DV Josiane França! Teus súditos te saúdam.

Um comentário:

Josiane França disse...

Muito obrigado pelo carinho e pelas sábias palavras. foi grande a emoção no Tesorinha no Rainha do Carnaval.