sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Escolas gaúchas participam de experiência inédita

Foto: Marcelo O'Reilly, Academia do Samba

* Por Marcelo Antunes

Na última quinta-feira, dia 24, foi publicado da edição do Diário Oficial da União o convênio firmado entre o Estado do RS e o Ministério da Cultura, referente ao recurso articulado pelo mandato do deputado federal Paulo Ferreira (PT-RS) junto ao MinC destinado às escolas de samba de Porto Alegre, Região Metropolitana e Interior.

No total, serão R$ 3.340.000, sendo R$ 3 milhões oriundos do Ministério e R$ 340 mil em contrapartida do governo gaúcho.

Os recursos serão repassados para as entidades através de um Edital de Seleção Pública de Projetos a ser lançado nos próximos dias pela Secretaria Estadual da Cultura. Ocorrendo a abertura das inscrições, as escolas, Ligas ou secretarias municipais terão de apresentar seus projetos para seleção e repasse através do conveniamento e ou contratação das entidades carnavalescas.
 
 - Esta é uma experiência inédita no Brasil, que poderá vir a se transformar em política pública do Estado brasileiro. Dando certo - e tenho certeza de que dará -, o que será feito aqui no Rio Grande do Sul servirá de exemplo para todo o país. Esta experiência está sendo acompanhada pelas principais praças que possuem Carnaval organizado Brasil afora - destacou Ferreira, lembrando que este foi um dos encaminhamentos deliberados pela audiência pública realizada em junho na Câmara Federal.

Com o atual convênio, as escolas de samba terão um significativo incremento financeiro para investir na construção e ampliação de ateliês de fantasias, estrutura para carros alegóricos e na compra de materiais diversos com vistas ao desfile de 2014. As agremiações terão autonomia no encaminhamento dos projetos e contarão com o apoio e capacitação da Regional Sul do Ministério da Cultura e da Secretária Estadual para a sua elaboração, que precisarão estar adequados às exigências dos editais, seguir normas e quesitos para que sejam aprovados.

- O sucesso e o mérito desta iniciativa são resultados do esforço e da organização da comunidade carnavalesca gaúcha, que se envolveu diretamente para que este convênio se tornasse realidade - lembra Ferreira.

Nenhum comentário: